Tradicional, americana ou gourmet? Vamos combinar que independente de qual seja o modelo da sua cozinha, na maioria das moradias ela é considerada o coração da casa. Nesse espaço de socialização, mesmo para pessoas que não apreciam cozinhar, passamos algumas horas do nosso dia.

Espaço do Chef por Walleria Teixeira. Um verdadeiro espaço gourmet. Fonte: Casa Cor Brasília.

Espaço do Chef por Walleria Teixeira. Um verdadeiro espaço gourmet. Fonte: Casa Cor Brasília.

Para escolher o modelo de cozinha da sua residência você precisa ter noção de como é o seu dia a dia. Tendo respostas para as perguntas abaixo, terá como definir a que melhor se enquadra na sua rotina.

Você gosta de cozinhar? Sua cozinha precisa de um espaço para refeições? Sua família é do tipo mais tradicional, em que todas as refeições são feitas em casa? O espaço será comandado por funcionários ou pelo dono da casa? Você tem o hábito de comer fora e preparar apenas refeições rápidas no final do dia? Você gosta de receber e cozinhar para amigos e familiares?

COZINHA TRADICIONAL

Por muitos anos os brasileiros preferiram a cozinha de modelo tradicional, que entendemos ser um ambiente fechado e isolado dos demais cômodos da casa, acessado através de uma porta.

Cozinha de modelo tradicional com ilha. Fonte: Pinterest.

Cozinha de modelo tradicional com ilha. Fonte: Pinterest.

Vantagens

  • Decorar e revestir com materiais que não precisam, necessariamente, combinar com o restante da casa;
  • Isolar o cheiro da comida (principalmente frituras);
  • Deixar escondida toda a bagunça e louça suja em um dia que você está recebendo visitas;
  • O barulho que se dá nesse espaço não chega a incomodar os outros ambientes da casa.

Desvantagens

  • Isolamento de quem está preparando a comida;
  • Ambiente mais formal, onde apenas pessoas bem íntimas da família adentram o espaço;
  • Se forem pequenas, precisam de um bom projeto para que não fiquem com sensação de confinamento.

 

COZINHA AMERICANA

Com o passar dos anos, caiu no gosto de muitas pessoas o modelo de cozinha americana, onde o cômodo é aberto, integrando-se com outros ambientes, separados apenas por bancada, ilha, mesa ou com demarcação no piso. Para que ela funcione bem é fundamental que seja bem funcional e organizada.

Sensação de amplitude em cozinhas pequenas quando integradas a outros ambientes. Fonte: Pinterest.

Sensação de amplitude em cozinhas pequenas quando integradas a outros ambientes. Fonte: Pinterest.

 Vantagens

  • Integração com os outros ambientes da casa e sensação de amplitude;
  • Possibilidade das pessoas ficarem mais unidas em reuniões familiares ou de amigos;
  • Tem um destaque especial na composição geral do ambiente. Deve ser bem planejada com o restante da sala de estar ou jantar para se ter uma harmonia;
  • Possibilidade de deixar o ambiente mais informal e acolhedor, evitando deslocamentos e economizando tempo.

Desvantagens

  • Precisa estar impecável e organizada para não pesar o ambiente como um todo;
  • Tudo fica muito aparente. Por isso o investimento com móveis, bancadas e eletrodomésticos pode se tornar mais elevado em relação a tradicional;
  • O cheiro de comida e fumaça invade o ambiente geral. Para amenizar essa questão, invista em coifas e depuradores eficazes para eliminar odores.
  • Ambientes integrados trarão à tona a questão do barulho. Pense bem caso o local funcione junto com uma sala de TV, por exemplo.
  • A cozinha americana pode diminuir consideravelmente o espaço para armários. Verifique a melhor opção de layout para que os armários não sejam insuficientes.
  • Se você tem o hábito de cozinhar muito em casa, além do cheiro e do barulho, há também a questão da gordura e outras sujeiras que podem impregnar nos móveis, cortinas e objetos de decoração.
Cozinhas americanas precisam ser bem organizadas. Fonte: Pinterest.

Cozinhas americanas precisam ser bem organizadas. Fonte: Pinterest.

COZINHA GOURMET

Virou tendência a cozinha gourmet, predominantemente de modelo americana, pode ser do tipo tradicional também. Com evidência e sofisticação, ela conquistou espaços privilegiados e também passou a ocupar varandas de residências e apartamentos. É utilizada quase que exclusivamente pelo dono da casa para receber amigos e cozinhar para a família.

Quem opta pela cozinha gourmet, muitas vezes acaba tendo duas cozinhas em casa. Uma para o dia a dia e outra para a socialização e hobby da família. O interessante desse modelo é que torna o ambiente agradável e divertido para eventos gastronômicos em casa. Enquanto o cozinheiro ou “chef” prepara a refeição, os amigos podem observar, conversar, ajudar, aprender ou trocar ideias.

Cozinha Gourmet com panelas penduradas. Um verdadeiro charme! Fonte: Pinterest

Cozinha Gourmet com panelas penduradas. Um verdadeiro charme! Fonte: Pinterest

As vantagens e desvantagens são as mesmas acima de acordo com o modelo escolhido. Mas com alguns destaques especiais:

  • Espaço para coleções de facas e panelas exclusivas do “chef”;
  • Peças de uso contínuo devem estar sempre ao alcance rápido;
  • Pode ter churrasqueira ou forno especial para pizza;
  • Deve ser bem equipada com eletrodomésticos de qualidade, podendo ter inclusive uma boa adega;
  • Ilha ou bancada extensa para preparo dos alimentos. Dessa forma o cozinheiro se torna o centro das atenções;
  • Boa iluminação e circulação para as pessoas envolvidas. Não esquecendo o famoso triângulo imaginário – pia, geladeira e fogão (sempre que possível);
  • TV, som ambiente, ar condicionado e tudo mais que possa proporcionar bem estar.
Ilha gourmet dos sonhos com gavetas e muitos acessórios! Fonte: Pinterest.

Ilha gourmet dos sonhos com gavetas e muitos acessórios! Fonte: Pinterest.

Cozinha gourmet bem equipada, com ilha e excelentes acabamentos. Fonte: Pinterest.

Cozinha gourmet bem equipada, com ilha e excelentes acabamentos. Fonte: Pinterest.

Qual modelo melhor se encaixa no seu dia a dia? Tradicional, americana ou gourmet?